Imagem

“Não é à toa que escolhem o Masp para protestar”

folha01

Entrevista concedida à Folha de S. Paulo. 
Revista São Paulo, repórter Vanessa Correa.

Como juntar Lina, Cage e Foucault?
4’33” é uma música que não existe, um silêncio, sem nenhuma nota. Mas você ouve a orquestra virando a página, porque na verdade não existe o silêncio, você sempre está ouvindo o entorno. Masp e “4’33”” têm o mesmo intuito. Quem vai ao vão-livre vê o movimento dos carros passando na Paulista, o cara gritando do outro lado da rua.”

_

Leia na íntegra no site da Folha:
http://www1.folha.uol.com.br/revista/saopaulo/2013/11/17/1371816-nao-e-a-toa-que-escolhem-o-masp-para-protestar.shtml

Anúncios

Comentários

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s